segunda-feira, 2 de julho de 2012

Borboletas

Cada um a música
e os livros
a árvore e o rio
o cão e o gato
na varanda de primavera. Gaivotas nas janelas
abertas sobre o frio

cada um o mar
e o sortilégio do encontro
dos verdes assimétricos
moldados à curva do olhar

e como quem parte
nas pétalas da lua
chegam as borboletas e as asas
em que sobrevive
a nova luz dos pássaros.

BrígidaLuz
28.12.10

Sem comentários:

Enviar um comentário